Festival Pianístico vai às escolas

Um olhar atento para a Síndrome de Burnout
27/09/2021
Autor revela detalhes da criação de “As Fantasias Eletivas”
01/10/2021

Após o sucesso de seus concertos, shows, cursos e workshops, realizados de 15 a 19 de setembro, em vários locais da cidade, o Pianístico de Joinville dá continuidade a seu projeto pedagógico, agora, nas escolas municipais. Serão realizadas quatro apresentações online, nos dias 1º e 8 de outubro, às 8h e 14h, via Youtube da Secretaria Municipal de Educação.

Desmistificar o piano como um instrumento difícil e inacessível, ajudando a popularizar a arte, talvez seja um dos grandes desafios da programação pedagógica desta edição. “O objetivo principal é estimular o aprendizado da música por meio do piano, proporcionando às crianças uma primeira experiência do fazer música por meio do piano”, diz Giane Marize Gomes, coordenadora pedagógica do Pianístico.

Além da já tradicional cartilha distribuída aos alunos – que foi revista e atualizada – a ideia é propor atividades de iniciação musical por meio do exercício do instrumento. Assim, as crianças devem receber, também, um protótipo de um teclado de piano, em papel e plástico ABS, para que aprendam a identificar as teclas e a entender melhor o mecanismo do ato de se expressar musicalmente ao piano. As atividades preveem, ainda, uma aproximação com a prática do piano no país e no mundo, oferecendo informações sobre os principais pianistas e listando alguns nomes que se consagraram na música popular – mas que partiram do piano erudito, como Luiz Eça, o brasileiro homenageado nesta edição pelo Diogo Monzo Trio, o britânico Fred Mercury e a norte-americana Alicia Keys. O material didático produzido será distribuído para aproximadamente 1000 crianças e 11 professores das 11 escolas que irão participar. Além de disponibilizar a gravação do material para posterior utilização, o Pianístico irá entregar um exemplar do material didático que ficará disponível para utilização em cada uma das 89 bibliotecas escolas da rede municipal de ensino de Joinville. “Parte deste material didático foi montado pelos alunos da escola do Teatro Bolshoi, mostrando uma integração cada vez maior entre movimentos e projetos culturais da cidade”, explica o coordenador técnico do Pianístico, Voldis Sprogis, que divide com a professora Giane a coordenação das atividades pedagógicas do projeto.

Participarão das lives as escolas municipais Aluizius Shenem, Anita Garibaldi, Arthur da Costa e Silva, Hans Dieter Schmidt, Gov. Heriberto Hülse, Profª Isabel Silveira Machado, Prof. José Motta Pires, Prof. Júlio Machado da Luz, Dep. Lauro Carneiro de Loyola, Monsenhor Sebastião Scarzello e 9 de Março.

Giane Marize Gomes é natural de Curitiba, bacharel em Piano pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná e pós-graduanda em Música e Cognição e em Pedagogia do Piano para o Século 21. Atua como professora de piano há 20 anos, tendo participado de diversos cursos na área da Iniciação ao Piano e Ensino da MPB no Piano. É professora e pianista na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, pianista no coral da Sociedade Lírica de Joinville e coordena o Projeto Espaço Vida e Música em Joinville.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *