7 opções de entretenimento para o fim de semana em Joinville

9 programas bacanas para aproveitar em Joinville no fim de semana
23/08/2019
Turismo de Experiência. Novos caminhos para São Chico
03/09/2019

1 – “Subterrâneo”
O quê
: O espetáculo da Gumboot Dance Brasil, de São Paulo, traça um paralelo entre a experiência dos mineiros africanos do século 19 e a sobrevivência da população negra e periférica das grandes metrópoles brasileiras nos dias de hoje. Suburbanos explorados cotidianamente, com suas memórias sendo soterradas e suas vozes abafadas por um regime de extermínio que avança sistematicamente. A voz que ecoa na caverna é a mesma que faz a travessia pelas ruas da cidade. As cores e a dores também são as mesmas. A motivação uma só: vida para ser celebrada com toda sua potência, originalidade, ancestralidade, memória e verdade. O manifesto: O corpo, a voz, o canto, dança e o coletivo forte e vivo.
Quando: sexta (30), às 20h, no Sesc Joinville.
Quanto: gratuito.

https://www.youtube.com/watch?v=yQSRWX5gl_g

2 – Fotogênese
O quê:
A AAPLAJ segue com movimentos de criação de seus associados, a partir de reuniões e discussões sobre temas determinados os artistas desenvolvem seus trabalhos. O desafio lançado desta vez foi a fotografia. As conversas se iniciaram com uma palestra da fotógrafa paulistana Renata Lepage e posteriormente com encontros onde se discutiu a linguagem fotográfica, suas aplicações e suportes. A partir desse embasamento nasceu a exposição coletiva Fotogênese, onde os artistas da associação apresentam suas visões das técnicas, intervenções e aplicações da fotografia em sua manifestação artística.
Quando: abertura neste sábado (31), às 10h, até 29 de setembro no galpão da AAPLAJ (Cidadela Cultural).
Quanto: gratuito.

3 – Udestock
O quê:
A segunda edição do festival no campus da Udesc Joinville (ao lado do restaurante universitário) reúne desta vez seis bandas de rock do cenário autoral local: Somaa, Mosaico Adulto, Horney, Bravaro, Cachorro do Mato e Fura Filas.
Quando: sábado (31), a partir das 14h, no centro de convivência da Udesc.
Quanto: gratuito.

https://www.youtube.com/watch?v=r4Rcg6IpiGE

4 – “O Salto em Bando”
O quê
: A P.ARTE, primeira escola de teatro musical em Joinville, apresenta o musical “O Salto em Bando”, inspirado na peça “Os Saltimbancos”. Na adaptação feita pela atriz e produtora Paula Gomes, a história se passa em duas fazendas e narra as aventuras de quatro bichos que, sentindo-se explorados por seus donos, resolvem fugir para a cidade e tentar a sorte como músicos. O espetáculo é totalmente autoral, com canções compostas por Paula e musicalizadas pelo maestro joinvilense Mário Klemann exclusivamente para a peça.
Quando: sábado (31), às 16h, no Teatro Juarez Machado.
Quanto: R$ 30 (inteira).

5 – Ukah Veó
O quê:
Poucos meses depois de chegar às plataformas virtuais, “O Sonho e a dor”, primeiro disco solo do rapper joinvilense Ukah Veó, ganha lançamento oficial nos palcos. São 12 faixas no qual ele tece comentários sobre racismo, religião, amor, marcados por um tom confessional, períodos difíceis, frustrações e recuperação. Ukah é uma legenda do rap catarinense, no qual labuta há mais de duas décadas. Além de integrante do veterano grupo V.O., abriu a loja Brixton Hip Hop Raro e criou o Joinville Hip Hop Festival.
Quando: sábado (31), às 20h, no Sesc Joinville.
Quanto: gratuito.

6 – Icefire 4tet
O quê:
O grupo italiano retorna aos Domingos Musicais, evento no qual se apresentou em 2018. O quarteto é composto por Gledison Zabote (saxofone), Matteo Piras (contrabaixo), Cesare Mecca (trumpete) e Alessandro Minetto (bateria). O grupo de Turim nasceu com o objetivo de explorar as performances que tornaram peculiar a formação conhecida como “pianoless”. Contando com dois dos mais talentosos solistas da nova geração do jazz italiano, o quarteto se inspira no universo sonoro que caracterizou o jazz produzido na West Coast e que influenciou fortemente parte da escola do jazz italiano.
Quando: domingo (1º), às 10h30, em frente ao Cemitério do Imigrante.
Quanto: gratuito.

7 – Nando Viana (foto no alto)
O quê
: “Coloca o Cinto Que A Viagem Vai Ser Longa” é o terceiro show solo na carreira do comediante gaúcho. É um novo resumo da vida de Nando, que com mais de dez anos de carreira, promete continuar entregando as histórias mais engraçadas pessoais de seu cotidiano. O apanhado vai desde a inesperada paternidade até sua participação no fenômeno de audiência “A Culpa é do Cabral”, programa do canal Comedy Central.
Quando: domingo (1º), às 19h, no teatro da UniSociesc (rua Gothard Kaesemodel, 833).
Quanto: de R$ 23 a R$ 69.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.